Atendimento

(12)   3896-5550

(12) 98134-2000

img

Notícias

Startups: uma realidade cada vez mais presente na construção civil

Share Button

Aos poucos, setor incorpora novas tecnologias desenvolvidas pelas construtechs
Inovações para este mercado estarão na 12ª Concrete Show, única feira da América Latina dedicada às cadeias construtivas do cimento e do concreto 

Antenado com o ritmo da evolução tecnológica, o setor da construção civil vem afinando a parceria com as chamadas startups. Segundo dados da consultoria norte-americana Pitchbook, o mercado global das construtechs, startups voltadas para os setores imobiliário e da construção, já recebeu 4,4 bilhões de dólares em investimentos desde 2010. No Brasil não é diferente: de acordo com levantamento da aceleradora Construtech Ventures, atualmente, o País conta com 562 startups que fornecem diferentes soluções tecnológicas para estes segmentos.

Entre elas está o ConcretoUsinado.com.br, plataforma que visa oferecer uma solução rápida e eficaz para aumentar as vendas do material para concreteiras de todo o Brasil por meio da internet. Criado pelo engenheiro Bruno Reganati, o sistema tem como objetivo principal disponibilizar um canal de comunicação direto entre empresas e consumidores finais, agilizando orçamentos e negociações, além de desburocratizar o mapa de cotações. “Dessa forma, ao informar o local da obra e realizar um pedido de orçamento, o software automaticamente dispara a cotação para as concreteiras, que atuam dentro de um raio de até 35 km da região, respeitando a qualidade do concreto até o tempo de descarga, assim como as normas da ABNT”, afirma.

Reganati diz ainda que outra ideia da ferramenta – que será apresentada ao mercado durante a 12ª Concrete Show, única feira da América Latina dedicada às cadeias construtivas do cimento e do concreto – é formalizar o mercado de concreteiras no Brasil. Para ele, infelizmente, há muitas empresas ou representantes que não são do ramo de fato, que proporcionam custos muito mais altos aos consumidores. “Sendo assim, queremos eliminar os intermediários do processo e trazer mais segurança aos clientes finais, que passam a ter mais garantias ao tratarem com as verdadeiras concreteiras”, acrescenta.

O executivo ressalta também a importância de uma feira como essa para a startup, que almeja atingir novos patamares. “Acredito que, com a Concrete, teremos a visibilidade que precisamos. Quando se fala em um evento para a indústria do concreto, ela é a referência. É lá que encontramos soluções para nossos negócios, que podemos mostrar ao mercado a solução que desenvolvemos, além de fazer networking e prospectar novas parcerias”, conclui o criador do ConcretoUsinado.com.br 

Concrelit na Mídia
Exame - Concrelit na Mídia InfoMoney - Concrelit na Mídia Terra - Concrelit na Mídia O Globo - Concrelit na Mídia Comunique-se - Concrelit na Mídia Mobilidade Sampa - Concrelit na Mídia